Montagem do Manequim Endodôntico - endo-e

Página Principal

   

Objetivo: Orientações para a montagem do manequim / articulador otimizando o bom desempenho na Endodontia Técnica, sem perda de tempo.

28 dentes naturais conforme lista de material (deverão ser obtidos em bancos de dentes de instituições com registro em acordo às normas legais vigentes). Os dentes deverão estar montados (posicionados) e NÃO fixados no manequim a fim de serem conferidos pelo Prof. Assistente, aprovando-os ou não antes do vazamento da resina autopolimerizável.

Imersão dos dentes em solução química esterilizante de Glutaraldeído (Steriogard, Cidex, Anti-G Plus ou Similar) para desinfecção antes do manuseio.

 

 

Para os alunos que tiverem dificuldades em adquirir dentes naturais (28) para montagem no manequim, poderão utilizar dentes artificiais radiopacos, conforme lista de material.

Representante: IM do Brasil Ltda, Sr. Ivo, (11) 3013-2706, (11) 2268-1015, e-mail: [email protected]

 

 

Dentes artificiais transparentes para cirurgia de acesso na mão (inicio do treinamento). Dentes necessários (4): ICS, 1o. PMS, 1o. MS e 1o.MI, conforme lista de material.

Representante: Fábrica de Sorrisos, A/C Dra. Juceleia de L. Montezel, (11)4655-2009, (11)9656-2473cel, [email protected]

 

 

Instruções para tomada radiográfica:

Cabeçote posicionado perpendicular à película e 40cm de distância (técnica do paralelismo).

 

 

 

Traçar com lápis o centro do filme.

Posicionamento do filme, dente preso com cera e película de chumbo, este último protegendo a outra parte do filme da exposição do feixe de raios X.

Utilizar 0.4 (uni e birradiculares) e 0.5 (multirradiculares) de exposição.

 

 

 
 

Imagem radiográfica (dente humano extraído) nas vistas proximal e vestibular.

Verificar possíveis variações anatômicas complexas: atresiamento da câmara pulpar (relação teto assoalho) e canal radicular, curvaturas, nódulos pulpares, grandes destruições cariosas, com cirurgia de acesso e tratamento endodôntico prévio e etc deverão ser descartados. Selecionar apenas dentes com características anatômicas normais. Este 1o. pré-molar superior por exemplo, apresenta câmara e canais radiculares com aspectos anatômicos normais, segundo a radiografia.

 

 

Imagem radiográfica do dente artificial radiopaco, nas vistas proximal e vestibular.

 

 

 

28 Dentes naturais selecionados ou artificiais radiopacos, radiografados e organizados

Atenção para a anatomia na hora de montar, caso seja necessário estudar anatomia dentária.

 

 

Manequim / articulador de Endodontia

Modelo DENT-ART (11 5621-9532 / 5621-1175) ou

SEM LIMITES (11 3864-9399 / 3875-2749) – c/ parafuso metálico – (maior quantidade barateia o custo).

 

 

1. 28 Dentes naturais selecionados ou artificiais radiopacos, organizados

2. Manequim de Endodontia

3. Conjunto pó/liquído de resina autopolimerizável

4. Filmes periapicais

5. Espátulas: nos. 31 e 50

6. Tesoura

7. Bandeja clínica e tira de poliéster

8. Super Bonder 5gr.

9. Recipiente para preparo da resina autopolimerizável

 

 

Proteção com bolinhas de cera utilidade nos ápices dentários, para que a resina não penetre no interior do canal por meio do forame periapical atrapalhando o bom desempenho da Endodontia Técnica.

 

 

 

Posicionamento dos dentes com bolinhas de cera nos ápices e selamento cervical da papila artificial com Super Bonder, para prevenir o extravasamento da resina autopolimerizável por esta área.

No local dos 3os. Molares colocar uma bola de cera a fim de impedir o extravasamento da resina.

 

 

 

Posicionamento das tiras de poliéster (pedaços pequenos) separando todos os dentes, superiores e inferiores, a fim de facilitar futuro isolamento absoluto.

 

 

 

Preparo da resina autopolimerizável em quantidade suficiente para preencher e fixar os dentes superiores e inferiores no manequim.

 

 

 

Misturar a resina na consistência adequada e verter na canaleta do manequim.

 

 

 

Preenchimento da canaleta superior e inferior do manequim, mantendo os dentes articulados durante a polimerização da resina com as tiras de poliéster em posição, separando os dentes.

 

 

 

Manter os dentes superiores em posição ligeiramente vestibularizados e mesializados (fotos seguintes), sendo que os dentes inferiores serão posicionados seguindo a orientação / oclusão vertical e horizontal dos superiores, facilitando posterior cirurgia de acesso (visualização e iluminação direta).

Os dentes devem permanecer bem fixados com a resina para o bom andamento da terapia endodôntica laboratorial, evitando transtornos do tipo: deslocamento dentário do alvéolo artificial forçando o operador a parar seu treinamento e novamente fixar o dente com resina.

 

 

Inclinações médias dos dentes nos sentidos mésio-distal e vestíbulo lingual.

 

 

 

Adaptação do livro Anatomia dentária humana, de Teixeira, L. D., Imprensa da UFMG, 1963, p. 226.

 

 

Manequim montado com dentes artificiais radiopacos.

 

 

Vista anterior

Vista posterior direita

 

Vista posterior esquerda

 

Verificar o contato interproximal dos dentes no manequim com fio dental, caso o mesmo possa dificultar ou até mesmo impedir o bom andamento do isolamento absoluto, aliviá-los, valendo-se das tiras de aço diamantadas.

 

 

 

 

Tiras de aço diamantadas

 

Porta tira de aço diamantada

     

Posicionador para tomada radiográfica, valendo-se da técnica do paralelismo.

Posição para as tomadas radiográficas no manequim.

Uma radiografia para cada grupamento dentário, formando 14 radiografias periapicais, centralizadas, sem cortar a incisal/oclusal e ápice, atenção para a posição do filme (picote para incisal/oclusal), processar devidamente, conforme posteriores instruções e montá-las na cartela para 14 radiografias.

 

 

 

 

 

 

Incisivos Centrais Superiores

 

 Incisivo Lateral e Canino Superiores Esquerdo

 

Pré-molares Superiores Esquerdo

 

 

14 radiografias periapicais, sem cortar a incisal/oclusal e ápice, atenção para a posição do filme, picote para incisal/oclusal, filme na vertical para dentes anteriores e filme na horizontal para os posteriores.

 

Bateria com 14 Radiografias devidamente armazenados na moldura plástica:

 

 

Molares Superiores Esquerdo

 

 

 

Atenção com a posição dos filmes

 

Processamento do filme

radiográfico:

 

1. Revelador

2. Água

3. Fixador

 

 

 

    Caixa de processamento radiográfico   500ml Solução fixadora   Coletor + fixador por 10 minutos
             

Coletor universal + água por 10 minutos

 

 

Deixar secar naturalmente na colgadura “CAL” antes do armazenamento na moldura plástica, evitando manchas nas radiografias.

 

 

Após verificação e aprovação do Professor Assistente dos dentes e respectivas  radiografias, consultar no programa da Disciplina de Endodontia Técnica a ordem cronológica das atividades em manequim (Programa), de acordo com os números dos dentes a serem tratados. Realizar nova radiografia com o dente em questão centralizado, adequado processamento e armazenamento da radiografia na moldura plástica para 6 radiografias, chamada de radiografia inicial do tratamento endodôntico, consultar o tema odontometria conforme instruções a seguir, de preferência em todos os dentes descritos no programa.

O tratamento endodôntico (laboratorial ou clínico) utiliza-se radiografias individuais (6) para cada dente em tratamento,  do inicio até o final do tratamento.

 

 

 

Preencher a ficha de odontometria (adquirir no laboratório multidisciplinar, farmácia da clínica odontológica ou carregar no formato PDF) valendo-se apenas da primeira radiografia com o dente em questão centralizado, identificando o CRI. Atenção: caso você não tenha instalado no seu micro computador o programa Adobe® Acrobat Reader, faça o download gratuito clicando no ícone:

 

 

 

Salienta-se, o aluno que teve a preocupação de adquirir todo material solicitado, providenciou a montagem do manequim, as radiografias, as fichas e os cálculos odontométricos iniciais conforme figura acima (CRI), com certeza terá seu desempenho otimizado durante o Curso.

 

Após completar o tratamento endodôntico individualmente (uma ficha para cada dente no manequim) devemos colher a assinatura do Prof., entregar as fichas devidamente preenchidas e com as radiografias anexadas (total de 6), para validação dos pontos necessários para aprovação na Disciplina de Endodontia Técnica.

 

 

Atenção: todos os dentes do lado direito do manequim deverão ser tratados endodônticamente com limite apical para polpa morta (0,5 a 1,0mm) e os do lado esquerdo como polpa viva (1,0 a 1,5mm) aquém do vértice radiográfico.